Visualizador de Conteúdo Web

proyectos/investigacion/en-un-vistazo_CARROUSEL

II Edição do Curso em Gestão da Ciência

Contribuímos para melhorar a qualidade da gestão e da coordenação das investigações levadas a cabo em países africanos lusófonos (PALOP).

Inscreva-se
Visualizador de Conteúdo Web

outros-projetos/ii-edicao-do-curso-em-gestao-da-ciencia_LINEA-ACTUACION

  • O QUE FAZEMOS

    Nas últimas décadas, a investigação na área da saúde em África teve um crescente apoio internacional. Porém, as instituições de investigação têm especiais dificuldades para desenvolver boas práticas no âmbito da gestão, da organização e do planeamento, essenciais para garantir a sustentabilidade dessas investigações.

    É por isso que, com o objetivo de contribuir para a melhoria da qualidade da gestão e da coordenação das investigações levadas a cabo nos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP), a Fundação Calouste Gulbenkian e a Fundação Bancária ”la Caixa”, com o apoio do Centro de Investigação em Saúde da Manhiça-Moçambique e do Institut de Salut Global de Barcelona (ISGlobal), lançam a II Edição do Curso em Gestão da Ciência.

  • A NOSSA MISSÃO

    O objetivo do Curso em Gestão da Ciência é proporcionar aos participantes uma formação especializada em gestão de uma investigação e em liderança para contextos de países em vias de desenvolvimento. Este curso irá abordar questões transversais, fundamentais para o reforço das capacidades científicas das instituições de investigação africanas e para ter sucesso na colaboração internacional em investigação em saúde global. Concretamente, os objetivos específicos são os seguintes:

    1. Desenvolver competências de liderança e de gestão em ciência e tecnologia, inovação e transferência do conhecimento, tendo em conta tendências ou realidades da investigação em saúde global.

    2. Desenvolver capacidades de planeamento estratégico, em especial tendo em conta as dinâmicas de financiamento global.

    3. Analisar os diferentes modelos de comportamento organizacional e promover a responsabilidade, transparência e comunicação eficiente entre os sócios da investigação.

    4. Identificar os desafios internos que limitam a apresentação de propostas a subsídios e que afetam a produção científica.

  • A QUEM SE DIRIGE

    Este curso está dirigido a investigadores e/ou gestores de instituições de investigação, públicas ou privadas, na área da saúde, em particular diretores científicos, coordenadores e gestores de programas de países africanos lusófonos (PALOP).

  • DATAS CHAVE

    Abertura da convocatória de participantes
    De 11 de fevereiro a 11 de março de 2019.
    O processo de seleção será liderado pelos sócios colaboradores.

    Período do curso
    De 20 a 31 de maio de 2019.
    Este será levado a cabo em duas semanas consecutivas:

    • De 20 a 24 de maio em Lisboa.

    • De 27 a 31 de maio no CosmoCaixa Barcelona.

  • MAIS INFORMAÇÃO

    Para mais informação e inscrições entre em www.gulbenkian.pt.